Conexões e controvérsias no INCRA de Marabá

Camila Penna

R$65,00

Em estoque

REF: 9788576174219 Categoria:

Sinopse

O Estado como um ator heterogêneo Páginas iniciais…   Este livro é fruto da preocupação em compreender como os movimentos sociais de luta pela terra no Brasil conseguem influenciar politicaspúblicas de reforma agrária e, mais especificamente, como conseguem influenciar a atuação do órgão estatal responsável por implementar essas políticas, o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária.Com o intuito de olhar para relação entre movimentos e Estado partindo da perspectiva estatal, a autora mergulhou no universo do INCRA, buscando compreender como ele funciona, quem são e como trabalham seus servidores, como eles interagem com os representantes dos movimentos sociais e como realizam, na prática, as políticas de reforma agrária. Este livro é resultado de um projeto coletivo de pesquisa e compartilhamento de fontes – bem como de discussões e trocas de ideias – cujo mote, desde o início, foi promover uma análise, a partir de uma perspectiva comparada, do papel desempenhado pelos colégios e pelas fazendas da Companhia de Jesus, debruçando-se especialmente  sobre o Colégio do Rio de Janeiro (América portuguesa) e o Colégio de Córdoba (América hispânica) no Seiscentos e no Setecentos. Os textos aqui reunidos são representativos de uma nova historiografia brasileira e argentina e, quando analisados em conjunto, permitem a identificação de alguns pontos a respeito da presença da Companhia de Jesus nas duas áreas em questão.

Detalhes

Peso 0470 kg
Dimensões 14 × 21 × 1 cm
Páginas

352

Formato

14×21 cm