A economia do gozo

Paulo Becker

R$31,00

REF: 9788576171881 Categoria:

Sinopse

A história das ligações que a psicanálise manteve com outros discursos que tentou interpretar e pelos quais foi interpretada – sobretudo o marxismo – constitui um repertório de perigosos mal-entendidos. Este livro busca uma abordagem original da questão, baseada na compreensão do capitalismo como uma economia de gozo e na articulação do conceito lacaniano plus de jouir (mais-de-gozar) com a noção de mais-valia dos textos marxistas. Paulo Becker nos propõe o pensar como um ato inaugural, como práxis que se opõe à metafísica do ser e à imediaticidade do mercado. Um pensar materialista em que Marx, Freud e Lacan são enlaçados em um ponto de reflexão que redefine fronteiras que até há pouco sequer se reconheciam. Neste livro, são prospectadas relações profundas entre a economia do capital e a psicanálise. Um viés que não tem nada a ver com os ideais humanistas que pregam, no campo da cultura, uma redenção revolucionária sem política. Partindo do lugar instaurado por Lacan, abre-se um percurso no qual se pode formular, conforme o título, uma economia de gozo.

Detalhes

Peso 0.155 kg
Dimensões 14 × 21 × 1 cm
Páginas

104

Formato

14×21 cm